Políticos peocessados por improbidade aguardam julgamento do STF nesta quarta que poderá liberá-los para concorrer às eleições - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

quarta-feira, 3 de agosto de 2022

Políticos peocessados por improbidade aguardam julgamento do STF nesta quarta que poderá liberá-los para concorrer às eleições

 

Políticos peocessados por improbidade aguardam julgamento do STF nesta quarta que poderá liberá-los para concorrer às eleições
Compartilhe:

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) analisa nesta quarta-feira (3) três ações que questionam se a Lei de Improbidade Administrativa, que entrou em vigor no ano passado, pode ser aplicada em ações anteriores. O caso está sob a relatoria do ministro Alexandre de Moraes e pode beneficiar políticos que pretendem concorrer às eleições deste ano.

A nova redação da lei determina que a condenação de agentes públicos deve ocorrer se houver dolo, ou seja, a intenção de cometer a irregularidade. As legislações anteriores geravam punição independente da análise se o autor da ilegalidade teve culpa intencional ou não.


Nos bastidores, os magistrados apontam que o placar está apertado e que qualquer voto que mude pode virar o resultado do julgamento. A decisão deve dividir a votação do plenário. O entendimento do Supremo é aguardado por políticos que pretendem concorrer às eleições em outubro, dentre eles, o ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda.

TBN

Nenhum comentário:

Postar um comentário