Parauapebas decreta situação de emergência e suspende parte de atendimento à população após incêndio em prédio da prefeitura - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

quinta-feira, 4 de agosto de 2022

Parauapebas decreta situação de emergência e suspende parte de atendimento à população após incêndio em prédio da prefeitura

Decreto permite maior agilidade para contratações de serviços após sede da prefeitura pegar fogo, segundo administração municipal.


Prédio da Prefeitura de Parauapebas foi destruído por incêndio — Foto: Renato Resende/Prefeitura de Paraupebas
1 de 4 Prédio da Prefeitura de Parauapebas foi destruído por incêndio — Foto: Renato Resende/Prefeitura de Paraupebas

Prédio da Prefeitura de Parauapebas foi destruído por incêndio — Foto: Renato Resende/Prefeitura de Paraupebas

A Prefeitura de Parauapebas decretou situação de emergência e suspendeu parte do atendimento à população pelas secretarias e órgãos que funcionavam no prédio da administração municipal que foi destruído por um incêndio há uma semana.

As chamas consumiram vários setores da Prefeitura e o órgão aguarda o laudo do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil, que deve apontar causas do início do fogo e as condições estruturais do prédio, se há riscos ou não.

Segundo a Prefeitura, os prejuízos estimados com o incêndio ainda estão em levantamento.

Prédio da Prefeitura de Parauapebas foi destruído por incêndio — Foto: Renato Resende/Prefeitura de Parauapebas

A situação de emergência foi publicada no Diário Oficial de Parauapebas com validade até o próximo dia 15. Processos licitatórios em andamento e prazos de processos administrativos disciplinares estão suspensos até a próxima segunda-feira (8).

O decreto permite maior agilidade para contratações de serviços pelo município neste momento, conforme a administração.

Prédio da Prefeitura de Parauapebas foi atingido por incêndio nesta sexta-feira — Foto: Prefeitura de Parauapebas/Divulgação

Servidores estão transportando o que não foi atingido pelo incêndio para espaços definidos pela administração pública do município, que foram os mais afetados pelo incêndio, entre eles: os gabinetes do prefeito e do vice-prefeito funcionarão no novo prédio do Departamento de Relações Indígenas (DRI), na Chácara do Sol. A Procuradoria-Geral do Município (PGM) foi instalada no Departamento de Arrecadação Municipal (DAM), no bairro Cidade Nova; e a CLC irá atender no primeiro andar da Secretaria Municipal de Obras (Semob), no bairro Beira Rio I.

Prefeitura de Parauapebas decreta situação de emergência, após incêndio em prédio

Prefeitura de Parauapebas decreta situação de emergência, após incêndio em prédio

De acordo com a Prefeitura, documentos da Central de Licitações e Contratos (CLC), teve quase tudo intacto, assim como na Secretaria da Fazenda (Sefaz).


Prédio da prefeitura de Parauapebas após incêndio — Foto: Renato Resende/Prefeitura de Parauapebas.

Por g1 Pará — Belém


Nenhum comentário:

Postar um comentário