Bolsonaro diz que vai deixar país melhor do que pegou - Terra Brasil - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

sexta-feira, 5 de agosto de 2022

Bolsonaro diz que vai deixar país melhor do que pegou - Terra Brasil


Bolsonaro diz que vai deixar país melhor do que pegou
Compartilhe:

Presidente esteve, nesta sexta-feira (5), na cidade do Norte de Minas para agendas de pré-campanha

Na primeira visita a Minas após garantir palanque no Estado com o senador Carlos Viana (PL), o presidente Jair Bolsonaro (PL) realizou agendas em Montes Claros, no Norte de Minas. No evento realizado pelo Sindicato Rural de Montes Claros, em palco montado na arena do parque de exposição, Bolsonaro atacou a descriminalização das drogas, a descriminalização do aborto, e o que ele chamou de ideologia de gênero, e disse que “quando deixar o governo, vai deixá-lo  melhor do que encontrou em 2019.”

“Estamos partindo para a gasolina mais barata do mundo. O mundo todo vem sofrendo com os combustíveis, o Brasil já saiu dessa crise. O Brasil é um país bem relacionado com o mundo todo. As nossas políticas são de conhecimento de todos vocês. O que eu mais quero é, quando eu entregar o comando desta nação, quero entregá-la de uma forma muito melhor do que recebi em 2019”, afirmou. 

Antes, Bolsonaro, em evento oficial da presidência, também participou de encontro com membros dos municípios da área mineira da Sudene. Do auditório, o presidente se deslocou para o palco externo montado a cavalo e acompanhado por uma comitiva de apoiadores também montados. 
Bolsonaro usou da fala para levantar suas bandeiras ideológicas comumente usadas em seus discursos, e fez menção para as comemorações dos 200 anos da independência do Brasil em 7 de setembro, em que o presidente conta com grandes manifestações de apoio a ele. 

“Temos um povo que acredita em Deus, que é contra a liberação das drogas, que é contra ideologia de gênero, e que não aceita o aborto. Somos um país fantástico, somos um país livre e continuaremos a ser assim. Juramos pela pela pátria e pela nossa nação. Temos agora uma comemoração de 200 anos da nossa independência e, com toda certeza, um marco para comemorar também os próximos 200 anos de liberdade!”, exclamou Bolsonaro. 

No palco, o presidente estava acompanhado por pré-candidatos mineiros a deputado pelo seu partido, do candidato ao governo de Minas Carlos Viana – a quem o presidente não fez nenhum aceno durante o evento – e do candidato a vice-presidente da República, general Walter Braga Neto.

A fala do presidente durou cerca de 5 minutos e, após ele falar, o evento foi encerrado. Antes de ir embora, em deslocamento para o aeroporto, Bolsonaro desceu e cumprimentou apoiadores que se debruçavam  sobre os gradis de proteção. Por volta das 17h, o presidente deixou o  Parque de Exposição de Montes Claros na carroceria de uma caminhonete.

TBN 

Nenhum comentário:

Postar um comentário