Parceria entre MTur e Caixa para turismo náutico viabiliza R$ 23 milhões em crédito - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

quinta-feira, 28 de julho de 2022

Parceria entre MTur e Caixa para turismo náutico viabiliza R$ 23 milhões em crédito

Recurso pode ser utilizado para implantação de rampas, píeres e marinas, além da aquisição de equipamentos relacionados à prática

28.07.2022 - Crédito Danilo BorgesMTur.png

Parceria viabiliza recursos para fomento ao turismo náutico no país. Crédito: Danilo Borges/MTur

Uma parceria firmada entre o Ministério do Turismo e a Caixa Econômica Federal (CEF) permitiu, até o momento, a disponibilização de R$ 23 milhões para investimentos no turismo náutico do país. Ao todo, o montante foi solicitado, por meio de empréstimos e financiamentos com condições especiais, por 1.289 empresas que atuam ou têm proximidade com o segmento. O recurso poderá ser utilizado para a implantação e regularização de infraestruturas, rampas, píeres e marinas, além da aquisição e manutenção de equipamentos relacionados à prática.

A parceria, também, permitiu um estudo, realizado pela Caixa, com as empresas solicitantes das linhas de crédito. O levantamento forneceu a sustentação para que sejam elaborados pacotes de soluções adequados às necessidades desse público. Diante disso, a instituição pode entender de modo profundo e detalhado qual a melhor forma de atuação, entre eles: soluções específicas para quem adquirir embarcações, linhas de investimentos para adquirir máquinas, com prazos mais alongados e limites de cheque especial com taxas reduzidas.

Para acessar os recursos, os interessados devem atuar no segmento de Turismo e estarem com registro regular no Cadastro (Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos). Com isso, basta se dirigir a agência da Caixa Econômica mais próxima.

AÇÕES - Na última semana, o Ministério do Turismo realizou visita técnica em Alter do Chão, em Santarém (PA), para iniciar o desenvolvimento de projetos de infraestrutura de apoio náutico no distrito paraense. Além de Alter do Chão, outras duas localidades já receberam a equipe técnica da Pasta: Fernando de Noronha (PE) e Natal (RN).

O Ministério do Turismo entende que a promoção do mar e das águas interiores são elementos diferenciadores para o desenvolvimento do turismo e para o estímulo da atração de investimentos privados para o segmento no país. O Brasil tem um grande potencial, com uma extensa faixa litorânea de 8,5 mil km, 35 mil km de vias internas e mais de 9,2 mil km de margens de reservatórios de água doce.

Além disso, o país é banhado por correntes oceânicas favoráveis à navegação, com um clima propício ao esporte e ao lazer náutico e apresenta uma infinidade de paraísos naturais intocáveis, que tornam o Brasil um dos países com maior potencial de desenvolvimento no Turismo Náutico do mundo. Para se ter uma ideia, só na última temporada de cruzeiros, foram movimentados mais de R$ 1 bilhão e gerados 14 mil empregos no país. Esses números reforçam o potencial do Brasil em promover o desenvolvimento econômico e social no país por meio deste segmento.

Por Victor Maciel/Mtur

Nenhum comentário:

Postar um comentário