Lula é criticado por agradecer ex-vereador do PT preso por quase matar empresário em 2018 - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

domingo, 10 de julho de 2022

Lula é criticado por agradecer ex-vereador do PT preso por quase matar empresário em 2018


Lula é criticado por agradecer ex-vereador do PT preso por quase matar empresário em 2018

Internautas criticaram o Pré-candidato do PT ao Palácio do Planalto, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, após ele agradecer, ontem (9), durante ato em Diadema, na Grande São Paulo, ao ex-vereador Manoel Eduardo Marinho, o Maninho do PT, preso em maio de 2018 após empurrar um empresário contra o para-choque de um caminhão em frente ao Instituto Lula.

Maninho é réu junto com o filho sob a acusação de tentativa de homicídio qualificado contra o empresário Carlos Alberto Bettoni. Ele sofreu traumatismo craniano e ficou internado no Hospital São Camilo.

“Esse companheiro Maninho ficou preso sete meses por me defender (…) Ficou preso sete meses porque resolveu não permitir que um cara ficasse me xingando na porta do instituto”, disse Lula.

O empresário foi agredido pelo ex-vereador depois de gritar ofensas contra o PT em frente ao Instituto Lula, em São Paulo. Maninho empurrou o Bettoni., que bateu a cabeça em um caminhão que passava no local.

“Quero em teu nome agradecer a toda a solidariedade do povo de Diadema. Foi o Maninho e o filho dele que estiveram nessa batalha. Essa dívida que tenho com você jamais a gente pode pagar em dinheiro. A gente pode pagar em solidariedade e companheirismo”, completou Lula.

Fonte Gazeta do Brasil 

Nenhum comentário:

Postar um comentário