Ginastas paraenses embarcam para competir em Montevidéu, no Uruguai - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

terça-feira, 7 de junho de 2022

Ginastas paraenses embarcam para competir em Montevidéu, no Uruguai




Estudantes do Programa Talentos Esportivos da Seel estão prontas para a Copa Olímpia Internacional de Ginástica Artística

As alunas do programa Talentos Esportivos da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), já estão de malas prontas para participar da 21ª Copa Olímpia Internacional de Ginástica Artística, realizada em Montevidéu, capital do Uruguai. Ao todo, 13 ginastas paraenses irão competir entre os dias 10 a 12 de junho.

Na disputa, as atletas irão competir nas seguintes divisões, na categoria infantil, estará Maria Alicia Ferreira (nível 1), Ana Luiza Paixão (nível 2), Lorena Eloá (nível 2) e Ana Clara da Silva (nível 2). No Juvenil, estão Letícia Borcem (nível 2), Hianna Sofia (nível 2), Carollyne Travesso (nível 2), Thaviny Beatriz (nível 2), Luana Da Silva (nível 3), Stephany Maciele (nível 4) e Bruna Borcem (nível 4).

"Comecei na ginástica com 9 anos e quando entrei vi que era o esporte certo para a minha vida. Minha expectativa sobre este campeonato está lá em cima, estou me esforçando e crendo que irei conseguir um bom resultado para o esporte paraense", disse Luana da Silva, ginasta.

Já na categoria Adulto, irão competir a ginasta, Lia Alves (nível 4) e Calina Karen (nível 5). "Participar dessa competição é mais uma experiência que possibilita comparar o meu nível com o de outras atletas de outros países, clubes e de preparo diferente do meu e também é uma forma de ter a certeza que o trabalho que eu tenho desenvolvido com o meu técnico e clube tem dado resultado", disse Lia Alves.

Sob a orientação do professor, Ulisses Lima, elas tiveram uma rotina de treinamentos intensos de cinco horas por dia que segue até a véspera do campeonato. O professor ressalta o valor do programa, onde o principal objetivo é ajudar crianças em um cenário de vulnerabilidade social. "É de suma importância na vida delas essa dedicação de professores e técnicos que leva para frente o programa. As meninas estão treinando com muito afinco e força, todas se sentem motivadas", declara.

A Copa Olímpia de Ginástica Artística é um evento para incentivar todos os que nela participam, principalmente para os principiantes não federados que querem continuar a crescer na modalidade. "É importante o apoio da Seel para viabilizar a ginástica paraense com o Talentos Esportivos, contemplando essas atletas participantes que vem colhendo resultados positivos a nível nacional e internacional", finaliza Vitor Borges, secretário adjunto da Seel.

Texto de Bianca Rodrigues (Ascom Seel)



Nenhum comentário:

Postar um comentário