Acidente na BR-316 deixa quatro pessoas mortas - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

quinta-feira, 16 de junho de 2022

Acidente na BR-316 deixa quatro pessoas mortas


Colisão aconteceu no KM-21 entre os municípios de Santa Maria e Castanhal


Felipe Bispo/O

Picape ficou completamente destruída

Um acidente na BR-316 entre os municípios de Castanhal e Santa Maria do Pará deixou quatro pessoas mortas. A colisão aconteceu por volta de 4h, desta quinta-feira (16), no quilômetro 21, em Castanhal. Muitos caminhoneiros pararam para tentar prestar socorro. Não houve outros veículos envolvidos.

De acordo com testemunhas, um caminhão basculante, carregado de seixo, que trafegava no sentido Santa Maria - Castanhal vinha em zigue-zague. A colisão ocorreu com uma caminhonete Ford Ranger de cor prata, que trafegava no sentido Castanhal - Santa Maria.

“Nós vínhamos de São Miguel e o motorista do caminhão vinha fazendo manobras perigosas. Quando chegou aqui no Km 21 colidiu com a mulher que vinha de Castanhal . Foi um momento angustiante“, disse José Haroldo Nascimento, caminhoneiro.

Na caminhonete estavam três ocupantes: uma mulher (condutora do veículo), que foi lançada para fora do carro e morreu na hora. Outros dois homens ficaram presos as ferragens e aguardavam resgate, mas também não resistiram, assim como o motorista do caminhão, que vinha de São Miguel do Guamá. Testemunhas no local apontam que o caminhoneiro estava em alta velocidade.

O Corpo de Bombeiros Militares chegou por volta de 5h. Um dos passageiros da caminhonete, que estava no banco traseiro, estava sem cinto e foi projetado para a frente do veículo. O caminhoneiro ficou preso ao volante e morreu pouco tempo antes da chegada do resgate. Possivelmente, pela condição, os bombeiros apontam que ele pode ter dormido.

Os corpos das vítimas foram removidos para o Instituto Médico Legal de Castanhal, onde passarão por exames para posterior liberação paaPatrícia Baía


Felipe Bispo/Ora familiares. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Fonte O liberal

Patrícia Baía

Felipe Bispo/O

Nenhum comentário:

Postar um comentário