Domingo do Círio reúne aproximadamente 400 mil pessoas nas ruas do centro de Belém e ocorre dentro do planejado pelos órgãos de segurança - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

domingo, 10 de outubro de 2021

Domingo do Círio reúne aproximadamente 400 mil pessoas nas ruas do centro de Belém e ocorre dentro do planejado pelos órgãos de segurança


Equipes dos órgãos de segurança pública estiveram nas ruas para resguardar a vida dos que foram prestar homenagens neste domingo (10)

Um Círio diferente do realizado em anos anteriores, quando o mundo não vivia a pandemia do Coronavírus, mas especial pela flexibilização que proporcionou aos devotos exercitar a fé e rever nas ruas e nos céus o Círio de Nossa Senhora de Nazaré. É desta forma que pode ser definido o Círio 2021, conhecido por muitos como o "Natal dos paraenses".

Com o avanço da vacinação e a queda no número de novos casos no estado do Pará, o Círio deste ano trouxe novidades, como o traslado de ida e volta, na sexta-feira (08), da imagem peregrina da capital para o município de Marituba e no domingo, como o esperado, mais pessoa nas ruas, o que exigiu dos órgãos segurança pública uma atenção redobrada.

No domingo (10), data maior de celebração dos devotos de Nossa Senhora, o Sistema de Segurança Pública estimou um público de aproximadamente 400 mil pessoas, preliminarmente, faltando ainda o dado final ser consolidado, pelo corredor que percorreria a imagem na berlinda, totalizando um percurso de 3 km.

Militares do Corpo de Bombeiros, policiais militares, agentes de trânsito, da Defesa Civil, e demais órgãos que compõem a operação Círio 2021, coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (Segup), estiveram nas ruas para resguardar a vida dos que foram prestar homenagens.

O planejamento inicial não contemplava o fechamento das vias, uma vez que não teria procissões oficiais, porém, na noite do sábado e a manhã de domingo, policiais militares, guardas municipais de Belém, do Detran e da Superintendência de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) fecharam as vias para impedir o fluxo de veículos e resguardar a vida dos fiéis. Conforme o público ia avançando, as vias tomavam o seu fluxo como de costume.

O secretário adjunto de operações da Segup, Coronel Alexandre Mascarenhas, avalia a operação positivamente e destaca que não houve nenhuma ocorrência com gravidade. "Todo o planejamento que foi feito pelo sistema de segurança pública, através dessas instituições integradas, foi cumprido pelas instituições e tivemos êxito em todas as ações que foram desenvolvidas nas ruas", avaliou.

No domingo do Círio, data que requer o trabalho potencializado dos órgãos de segurança pública e defesa social, teve planejamento especial coordenado pela Segup."Toda a segurança necessária esteve nas ruas para que o povo pudesse cumprir a sua devoção à Nossa Senhora de Nazaré. Neste domingo, o sistema de segurança resolveu fechar todas as vias transversais ao trajeto que é tradicional do Círio e tudo transcorreu normalmente. Notamos poucas ocorrências envolvendo saúde, poucas ocorrências também envolvendo o entorno do Centro de Nazaré e conseguimos dar toda segurança para quem acompanhou o trajeto", afirmou o coronel.

CICC -

Cada momento foi acompanhado pelos representantes de mais de 15 instituições que compõem a operação e estavam presentes no novo Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). De maneira virtual e em tempo real, mais de 20 câmeras de monitoramento instaladas no percurso foram acompanhadas pelo CICC que, caso houvesse necessidade, teriam tempo hábil para a tomada de decisão mais eficaz e imediata. Também houve o uso, de forma inédita, de câmeras corporais (body cams) para somar as ações, além dos equipamentos de vídeo que realizam a leitura de placas veiculares e conseguem identificar irregularidades administrativas e criminais do proprietário do veículo.

Ocorrências -

Nos seis postos da Cruz Vermelha instalados no percurso, apenas uma ocorrência de maior potencial foi registrada. Uma pessoa apresenta sintomas característicos de um Acidente Vascular Isquêmico e foi conduzida até o Pronto Socorro Municipal. As polícias Civil e Militar não computaram nenhuma ocorrência agravante.

https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=1909315542575459&id=100004910948758

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial