Vôo Belém-Lisboa deve voltar no próximo dia 31 de outubro - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

segunda-feira, 6 de setembro de 2021

Vôo Belém-Lisboa deve voltar no próximo dia 31 de outubro


O número de voos semanais pela TAP entre Brasil e Portugal aumentará para 52 a partir de outubro

Importante para o fluxo aéreo, principalmente o deslocamento de turistas entre o Pará e a Europa, o voo internacional Belém-Lisboa, realizado pela companhia aérea TAP deve voltar a operar em outubro próximo. "A previsão de retomada é 31 de outubro. Essa abertura para os turistas brasileiros é resultado de um decreto, que tem vigor até o dia 16 de setembro, podendo ou não ser prorrogado. Ao longo da pandemia conversamos com a TAP frequentemente sobre o assunto", informa o secretário de Estado de Turismo, André Dias.

A TAP comunicou a decisão oficialmente, por meio de nota à imprensa, nesta sexta-feira (03), com anúncio de oferta de 37 voos semanais do Brasil para Portugal neste mês de setembro. O número de voos semanais aumentará para 52, a partir de outubro. A companhia aérea também anunciou a inclusão da retomada dos voos para Belém, Maceió (AL) e Natal (RN).

O gerente Comercial Regional do Pará/Amazonas e Amapá da TAP no Brasil, Douglas Lima, destacou a importância da decisão. "Nesse reinício, serão duas frequências semanais, quinta e domingo, mas pode antecipar, conforme a demanda e prorrogação do decreto do governo de Portugal, que vai até 16 de setembro", explica o executivo.

O secretário André Dias ressalta as vantagens da volta do voo para o setor turístico. "É fundamental ter essa conexão com a Europa, através do voo Belém-Lisboa, porque assim os turistas - não somente portugueses, mas também de todo o continente europeu -, têm acesso ao Pará, sendo Belém o portão de entrada da Amazônia. Reestabelecer essa ponte é essencial para o nosso turismo. Que bom que a pandemia está sendo melhor controlada, com a vacinação avançando, e vamos poder retomar esse voo no mês de outubro", afirma.

Covid - Todos os passageiros que pretendam viajar para Portugal, por via aérea, exceto crianças com menos 12 anos, devem apresentar o exame RT-PCR ou teste rápido de antígeno com resultado negativo, realizado em 72 horas, ou 48 horas, anteriores ao momento do embarque. Se o passageiro tiver Certificado Digital Covid da União Europeia não serão exigidos os testes.

A TAP ainda informou que caso os passageiros desejem viajar de Portugal para outros destinos na Europa é necessário verificar as regras de cada país à entrada de brasileiros. Na volta ao Brasil, também é necessário apresentar o RT-PCR negativo.

Texto: Douglas Dinelly e Israel Pegado - Ascom/Setur

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial