Preamar da Cultura Popular celebra o Carimbó como Patrimônio Cultural e Imaterial do Brasil - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

sábado, 11 de setembro de 2021

Preamar da Cultura Popular celebra o Carimbó como Patrimônio Cultural e Imaterial do Brasil


Neste sábado (11), completa-se 7 anos do registro e a Secretaria de Estado de Cultura (Secult) celebra a data realizando e apoiando programações culturais

Os sete anos do carimbó como Patrimônio Cultural e Imaterial do Brasil serão celebrados por grupos parafolclóricos com apoio da SecultPara celebrar os sete anos de registro do carimbó como Patrimônio Cultural e Imaterial do Brasil, neste sábado (11), a Secretaria de Estado de Cultura (Secult) realiza e apoia programações culturais em Belém e Região Metropolitana, por meio de parcerias com os Grupos Sancari e Coletivo Ananin. Além de apresentações culturais, serão realizadas rodas de conversas e exposições de artesanatos.

A primeira agenda será a partir das 7h, no Ver-o-Peso, na área entre as barracas de artesanato e as barracas de polpas de frutas. Nesse espaço, haverá apresentações de diversos grupos de carimbó raiz, além de mestres e mestras como: Mestra Nazaré do Ó; Grupo Tarubá da vila de Itaiteua, de Outeiro; Grupo de dança Jardim das Rosas; o filho e o neto do mestre Verequete Augusto e Felipe e Mestre Catarino e seu grupo Arandará.

Os grupos serão recepcionados pelo grupo Sancari, fundado em 1996, no bairro da Pedreira, em Belém. Criado por moradores do bairro, o Sancari realiza todos os anos uma alvorada comemorativa no Ver-o-Peso, desde que o carimbó foi reconhecido como patrimônio. "Esse registro como Patrimônio Cultural é de grande conquista, pois acredito que foi a partir dele e do reconhecimento dos Mestres que houve maior valorização da nossa cultura. Agradecemos a parceria da Fumbel e da Secult pela contribuição em nos ajudar a realizar este evento que é de suma importância para a nossa grande família carimbozeira", destaca Lucas Bragança do Grupo Sancari.

A outra programação ocorrerá no Bosque Marajoara, no conjunto Júlia Seffer, em Ananineua, a partir das 16h, organizada pelo Coletivo Ananin de Carimbó. Além de apresentações de carimbo, haverá roda de conversa e espaços de exposições de artesanatos. Mestre Luis Pontes e Grupo Estrela do Norte; Mestre Edson e o Grupo Icuiapitinga; Parananin e Mario Mouzinho; Grupo Pindoramas e Mestre Nivaldo; Mestra Regina Lopes e as Manas do Carimbó; Grupo Toró Açu; Félix Facom; Grupo Mayaná e mestre Juvenal; Mestre Luiz Gonzaga e o grupo Carimbó Águas Lindas e Grupo Amazônia, são presenças confirmadas.

"Celebrar o reconhecimento do carimbó como Patrimônio Cultural e Imaterial do Brasil é mostrar para a nossa população suas raízes culturais, despertando o sentimento de pertencimento. Além de mostrar a importância de políticas públicas que fomentem práticas culturais através de espaços e pautas que possam valorizar os mestres, os grupos de dança, os músicos e agentes culturais que são incansáveis na preservação de nossas tradições", afirma Mayara Brasil, coordenadora e dançarina do grupo Parananin.

"Um dos nossos patrimônios culturais mais festejados, com certeza, é o carimbó. E celebrar os sete anos desse título é uma honra. É uma forma de valorizar, de reconhecer a importância do ritmo, da dança, da economia criativa, de tudo que cerca ele, como importante para nossa cultura e nosso povo. Então a gente estende um pouquinho o nosso Preamar da Cultura Popular para abraçar a celebração desse título de patrimônio cultural brasileiro", comenta Júnior Soares, diretor de Cultura da Secult.

Confira a programação completa:

Alvorada de Carimbó: 7h às 10h
Local: Ver-o-Peso
Mestra Nazaré do Ó
Grupo Tarubá da Vila de Itaiteua /Outeiro
Filho do mestre Verequete Augusto e o neto Felipe
Grupo de dança Jardim das Rosas
Mestre Catarino e grupo Arandará

11/09 Roda de Carimbó - a partir das 16h
Local: Bosque Marajoara (Bairro Águas Lindas - Ananindeua)

16h - Vivência com Mestres
18h - Manas do Carimbó
18h30 - Félix Facom
19h - Grupo Estrela do Norte
19h30 - Grupo Toró Açu
20h - Grupo Amazônia
20h30 - Mestre Juvenal
21h - Grupo Mayaná
21h30 - Grupo Pindoramas
22h - Icuiapitinga
22h30 -Parananin
23h - Amigos do Carimbó
23h30 - Carimbó Águas Lindas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial