Operação Verão conta com câmeras OCR que detectam irregularidades administrativas e criminais - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

sábado, 10 de julho de 2021

Operação Verão conta com câmeras OCR que detectam irregularidades administrativas e criminais

Inteligência e tecnologia são empregadas na operação verão 2021 por meio da utilização de câmeras de vídeomonitoramento com a tecnologia Optical Character Recognition (OCR), ou seja, que possuem o módulo de reconhecimento de placa veicular. Dessa forma, há a fiscalização com mais exatidão e a otimização do trabalho dos agentes de segurança pública.

As câmeras capturam os dados da placa e por meio da tecnologia ÍRIS - Integração de Registros para Identificação de Suspeitos - as informações são cruzadas junto ao sistema nacional Córtex que identifica irregulares administrativas e criminais do veículo e/ou da pessoa que possui vínculo junto ao automóvel.

Marca da atual gestão da segurança pública no Pará, a tecnologia vem se tornando cada vez mais presente no combate ao crime e a violência em todo o Estado, como afirma o secretário adjunto de operações da Segup, Coronel Alexandre Mascarenhas. "A Secretaria de Segurança Pública está investindo fortemente em tecnologia, nesse sentido foi implantado o sistema de monitoramento de placas para que juntamente com a ação humana possa fortalecer as ações de prevenção e combate ao crime", disse.

Na praia do Atalaia, localizada em Salinópolis, distante há pouco mais de 200 km da Capital, por exemplo, há 10 câmeras de vídeomonitoramento, destas quatro com a tecnologia OCR localizadas em pontos estratégicos da cidade.

Ao fazer a leitura, as irregularidades administrativas e criminais são identificadas e enviadas aos servidores do Departamento de Trânsito (Detran) ou aos policiais militares que, mais a diante, abordam os veículos para verificação.

"É realizado o monitoramento para detectar veículos que passam nas vias para verificar se possuem alguma ocorrência registrada, como furto ou então com seus proprietários, por terem preventiva decretada, por exemplo. Isso ajuda a potencializar a ação dos agentes que vão fazer uma abordagem mais segura, mais específica e pontual em determinados veículos", explicou o secretário adjunto, Alexandre Mascarenhas.

Coronel Alexandre MascarenhasCICC - No Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) instalado na praia do Atalaia, servidores do Centro Integrado de Operações (CIOp) recebem as imagens em tempo real, 24 horas por dia, de todas as câmeras.

A comerciante Ana Mônica costuma vir para Salinas geralmente em períodos com menor movimentação de pessoas. No segundo final de semana de julho, optou em aproveitar a praia com a família e, mesmo com um número considerado de pessoas, avaliou positivamente a atuação dos órgãos de segurança pública no local. "Percebi que a movimentação está intensa, mas esse ano está bastante organizado. A gente vê que a segurança pública está agindo mesmo, orientando, conversando, procurando fazer a parte dela. Porque eles fazem a parte deles, mas a população tem que fazer a sua também", disse.

Operação verão 2021 - A operação verão 2021 teve início no dia 1° de julho e encerrará no dia 2 de agosto. Neste período, mais de 3 mil agentes de segurança pública reforçam a segurança em mais de 40 localidades paraenses que costumam receber um fluxo maior de pessoas durante o período de veraneio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial