Medidas de Prevenção nos Centros de Saúde da região Centro no âmbito do Plano de Contingência - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

sábado, 14 de março de 2020

Medidas de Prevenção nos Centros de Saúde da região Centro no âmbito do Plano de Contingência

Medidas de Prevenção nos Centros de Saúde da região Centro
no âmbito do Plano de Contingência
No âmbito do esforço de contenção do COVID-19, e na sequência das orientações emanadas da Direção
Geral de Saúde (DGS), a Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC) deliberou intensificar as
medidas de prevenção, contenção e de mitigação do Coronavírus a partir da próxima segunda-feira, 16 de
março, em todos os Centros de Saúde da região Centro, procedendo à reorganização do atendimento
com o objetivo de reforçar a proteção de doentes e profissionais de saúde, assegurando os serviços essenciais no âmbito da fase especifica do Plano de Contingência. Assim:
1.Privilegiar-se o contato telefónico, email, ou outros contactos indiretos. Preferencialmente, os cidadãos
devem contactar, previamente, a sua unidade de saúde para acordarem a respetiva hora de atendimento.

Cada setor profissional – médicos, enfermeiros, secretários clínicos – deve garantir uma escala de
atendimento telefónico durante o período de funcionamento das unidades assistenciais, nomeadamente
das unidades de saúde familiar e unidades de cuidados de saúde personalizados, entre as 08h00 e as 20h00.
Contactar os utentes com consultas agendadas e acordar com eles a programação do seu seguimento.
Manter as seguintes atividades:
 Resposta às situações de doença aguda, com exceção das situações suspeitas de COVID 19, que deverão
sempre ser objeto de contacto (gratuito) com a linha SNS 24 – 808 24 24 24.
 Atendimento de utentes com resultados sugestivos de doença oncológica ou de descompensação de doença crónica (diabetes, DPOC, hipertensão, entre outras);
 Emissão de certificados de incapacidade temporária para o trabalho ou de assistência à família, privilegiando o contato indireto;
 Avaliação de exames de diagnóstico, preferencialmente em contato indireto;
 Renovação de receituário crónico, preferencialmente em contato indireto.
 Fornecimento de contracetivos, incluindo os de emergência;
 Resposta a pedidos de referenciação para interrupção voluntária da gravidez;
 Avaliação de intercorrências na gravidez, em qualquer idade gestacional;
 Primeira consulta de vida do recém-nascido;
 Atualização do Plano Nacional de Vacinação, durante a infância e gravidez
 Administração de terapêutica e realização de tratamentos de enfermagem, inadiáveis e que careçam de
continuidade;
Suspender, temporariamente, os rastreios do cancro da mama, colo do útero, colo retal, retinopatia
diabética e saúde visual infantil, bem como as visitas dos delegados de informação médica e as ações de
formação internas e externas.
6.Reforçar, junto da população, a necessidade de cumprir a higiene das mãos, etiqueta respiratória e o
respetivo distanciamento social.
Alameda Júlio Henriques Telefone: 239 796 800 secretariado.ca@arscentro.min-saude.pt
Apartado 1087 | 3001-553 Coimbra Fax: 239 796 861 www.arscentro.min-saude.pt
Tendo em conta o fecho das escolas, a justificação de faltas para os pais ficarem com os filhos
menores de 12 anos é tratada com a Segurança Social e não no Centro de Saúde.
Para mais informações deve consultar o sítio da Direção Geral de Saúde – https://covid19.minsaude.pt/ e da Segurança Social – http://www.seg-social.pt/noticias/-/asset_publisher/9N8j/content/covid-19-protecao-social
Com base na evolução do contexto nacional, a ARSC reavaliará a situação, sempre com o objetivo de
prevenir e zelar pela segurança da população.
Fonte:COIMBRA · REGIÃO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial