Governo Federal prepara pacote de medidas para destravar setor aéreo - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

Governo Federal prepara pacote de medidas para destravar setor aéreo

Secretário de Integração Interinstitucional, Bob Santos, se reuniu com representantes do setor
Redução no preço das passagens aéreas e no imposto do querosene de aviação estão entre as ações propostas
O Ministério do Turismo retomou, nesta terça-feira (17.12), o debate junto ao grupo de trabalho que vai discutir soluções para destravar os principais gargalos do setor aéreo. Entre as pautas discutidas na reunião, estavam a redução do imposto de querosene de aviação (QAV), o aumento de voos regionais, encargos tributários e trabalhistas e a infraestrutura aeroportuária. Além do MTur, o grupo é composto por membros da Embratur, Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), Associação Brasileira das Empresas Aéreas e a Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA). 

Designado pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, o secretário Nacional de Integração Interinstitucional, Bob Santos, acompanhou a reunião.  Durante o encontro, Santos destacou as ações que a Pasta vem realizando desde o início do ano para melhorar o ambiente de negócios, aumentar a competitividade do setor e reduzir os preços das passagens. “O ministro Marcelo Álvaro foi protagonista nas ações para a abertura do capital estrangeiro que atraiu mais aéreas a voar para o Brasil, e tem conversado pessoalmente com representantes de outras empresas, apresentando o mercado brasileiro. Precisamos realizar um trabalho conjunto com todos que contribuem direta e indiretamente para a aviação brasileira”.

Entre os objetivos que nortearão o trabalho do grupo, a busca pelo equilíbrio entre oferta e demanda com políticas públicas mais eficazes, para tornar os modais de transporte, no caso o aéreo, mais integrados e estruturados. Melhorias de infraestrutura dos aeroportos, aumento da competitividade entre as empresas, conectividade e atração de investimentos são algumas das iniciativas a serem desenvolvidas. O grupo se comprometeu a elaborar uma minuta de atos para cada órgão que deverá ser apresentada em janeiro.

GRUPO DE TRABALHO – Em visita à sede da Gol, em São Paulo (SP), realizada no mês de setembro, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, propôs a criação de um grupo de trabalho que entre outros objetivos buscaria a redução no preço das passagens aéreas, além de aumentar o número de rotas para atender diversos destinos turísticos do país.

Além disso, o Álvaro Antônio se reuniu com representantes das aéreas brasileiras para tratar da conectividade no país. Na ocasião, as companhias anunciaram que a malha aérea estará totalmente reposta até janeiro de 2020 e que será a maior frota durante a temporada de verão desde 2015.

Edição: Rafael Brais
Por Vanessa Castro e Victor Maciel
Crédito: Vanessa Castro/MTur

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial