Sem dinheiro público, estreia de Marighella é adiada - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Sem dinheiro público, estreia de Marighella é adiada

A produtora O2 anunciou o cancelamento da estreia do filme “Marighella”, dirigido por Wagner Moura e estrelado por Seu Jorge, ambos residentes na milionária cidade de Los Angeles, EUA.

Segundo informações da produtora, a equipe não teria cumprido a tempo a exigência da Ancine (Agência Nacional do Cinema), que solicitou a devolução de verbas que já haviam sido usadas.

Eles queriam dinheiro público e o governo federal cortou a mamata.

Marcada para 20 de novembro, a cinebiografia do guerrilheiro baiano Carlos Marighella narra que ele teria sido surpreendido numa emboscada policial na época da ditadura militar, sendo executado à tiros.

Marighella não foi vítima de absolutamente nada … preso inúmeras vezes, ele chegou a entrar em confronto direto com a polícia bradando a favor do comunismo.

Em 1967, formou o grupo Ação Libertadora Nacional, cujo objetivo principal era treinar grupos guerrilheiros para cometer atos terroristas nas áreas urbanas.

O grupo também realizou uma série de assaltos a banco na cidade de São Paulo.

Em 1968, Marighella foi descrito (pelas autoridades) como “líder terrorista”.

No dia 4 de novembro de 1969, em uma ação planejada pela Delegacia de Ordem Política e Social, ele foi morto em São Paulo, aos 57 anos.

Fonte:Diário do Brsil/JornalPassaporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial