Círio deve atrair 83 mil turistas e movimentar mais de 32 milhões de dólares - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Círio deve atrair 83 mil turistas e movimentar mais de 32 milhões de dólares

Em outubro, a Festividade do Círio de Nazaré deve trazer a Belém 83 mil pessoas, um aumento de aproximadamente 3% em relação ao número de turistas registrado no mesmo período de 2018 - 81 mil pessoas. A estimativa de gasto médio dos turistas, para este ano, é de US$ 31,2 milhões, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (5) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese Pará), em conjunto com a Secretaria de Estado de Turismo (Setur).

Para o diretor técnico do Dieese Pará, Roberto Sena, o crescimento é pequeno, mas positivo. "Mesmo com a conjuntura ainda desfavorável, o número de turistas para este ano tem um crescimento projetado de 3%. Um crescimento tímido. Mesmo com a dificuldade dos dois primeiros trimestres, neste segundo semestre esperamos mais dinheiro na economia. A tendência é uma movimentação maior do que no ano passado", disse o economista.

A pesquisa apontou que os principais estados emissores de turistas para o Círio 2018 foram Maranhão, com 14%, seguido por São Paulo, com 11%; Ceará, com 9%, e Rio de Janeiro (8%). Homens compareceram em maior número (55,4%). Na faixa etária, as pessoas com idade entre 35 e 50 anos são as que mais marcam presença na festividade religiosa, totalizando 41%. Para hospedagem, os turistas preferem hotel, casa de parentes e casa de amigos. Um ponto importante mostrado pelo estudo é que 94% das pessoas que visitam Belém para o Círio têm intenção de retornar.

De acordo com o secretário de Estado de Turismo, André Dias, a pesquisa é importante para que Belém consiga aprimorar a receptividade aos turistas. "Com base nessa pesquisa podemos melhorar ainda mais a qualidade do receptivo. Quase 95% desses turistas dizem que querem voltar. E podemos, com estes números, melhorar também o direcionamento do nosso marketing. A gente já conhece melhor esse turista que vem, como atingi-lo e como trazer cada vez mais pessoas", frisou o secretário.

Permanência - "Nosso papel é ampliar a divulgação, a informação e o conhecimento a respeito do Círio, e aumentar a permanência desse turista no Pará, com visitas ao Marajó, ao Tapajós ou ao nordeste paraense. Vimos, por exemplo, que mais de 50% das pessoas que vieram foi por recomendação de amigos ou parentes. Esse é um dado importante. Tudo isso reforça a importância de, cada vez mais, receber melhor", completou André Dias.

O levantamento apontou ainda os pontos turísticos de Belém mais visitados durante a quadra nazarena. A Basílica Santuário de Nazaré aparece em primeiro lugar, seguida pela Estação das Docas e o Ver-o-Peso.

Em 10 anos, houve um crescimento de 137% no número de visitantes na época do Círio, aumentando também em 30% o gasto médio de quem visita a capital paraense. Em 2009, o valor gasto pelos turistas chegou a US$ 24 milhões, e a expectativa para este ano é que esse número supere US$ 31 milhões.
Fonte:Ag.Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial