CNA e Cepea levantam custos de produção da pecuária de corte no Pará - JORNAL PASSAPORTE

ULTIMAS

segunda-feira, 24 de junho de 2019

CNA e Cepea levantam custos de produção da pecuária de corte no Pará

Técnicos do Projeto Campo Futuro estiveram na segunda (24) no município de Santana do Araguaia, no Pará, para levantar os custos de produção da bovinocultura de corte da região.

A iniciativa contou com a participação de produtores rurais, de representantes da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) e da Federação da Agricultura e Pecuária do Pará (Faepa).

De acordo com o assessor técnico da Comissão Nacional de Bovinocultura de Corte da CNA, Ricardo Nissen, os resultados do painel mostraram que as duas principais atividades da região são de cria e de cria, recria e engorda.

“Na propriedade de cria, observamos uma área de pastagem de 75 hectares, com mão de obra familiar. O produtor executa a pecuária tradicional, mais extensiva. A taxa média de nascimento dos animais é de 66%, podendo ser melhorada com otimizações do sistema de produção, orientado por assistência técnica qualificada”.


Segundo Ricardo, a área da propriedade modal de cria, recria e engorda é de 4 mil hectares, sendo 2 mil de pastagem e 1 mil de lavoura de soja, com produtividade média de 55 sacas por hectare plantado.

“O pecuarista dessa propriedade é mais tecnificado, possui em média 1.600 matrizes, com taxa de nascimento de bezerros próxima a 80%. A lotação é de 1,5 UA (unidade animal) por hectare, valor acima da média brasileira”.

Nos períodos em que não há lavoura plantada, os produtores compram bezerros, engordam e confinam para aumentar a lucratividade do negócio. “Eles trabalham com material genético, fazem controle de suplementação, manejo e pastagem. Estão atentos ao mercado para ampliar as margens e obter lucro com a atividade pecuária”.

Para o produtor rural e presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santana do Araguaia, André Felipe Klein, a coleta de dados foi importante para mostrar ao produtor como analisar e mensurar os custos da atividade pecuária.

O Projeto Campo Futuro alia a capacitação do produtor rural à geração de informação para a administração de custos, de riscos de preços e gerenciamento da produção.

Assessoria de Comunicação CNA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial