ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Inovação Tecnológica tem reconhecimento do Ministério do Turismo

Os três classificados como destaque da categoria recebem o reconhecimento do Ministério do Turismo. Foto: Roberto Castro/MTur
Três iniciativas de sucesso foram premiadas pela Pasta em reconhecimento à inovação tecnológica aplicada ao turismo brasileiro
A divulgação dos vencedores do 1º Prêmio Nacional do Turismo, realizada em cerimônia no último dia 5, reconheceu 21 iniciativas brasileiras consideradas inovadoras para a atividade turística nos últimos dois anos. As ações foram selecionadas entre 242 inscritos em sete categorias. Entre os casos de sucesso mais bem classificados pelo júri do prêmio, três são da categoria Inovação Tecnológica no Turismo, que registrou 29 concorrentes. Inéditos e inovadores, os projetos dessa área estão contribuindo de maneira significativa para impulsionar o turismo brasileiro.

O Voucher Digital de Barreirinhas/MA (1º colocado), município que é principal acesso ao Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, foi desenvolvido como um instrumento de monitoramento das visitações aos atrativos turísticos locais e de organização da atividade turística na cidade, proporcionando maior agilidade, economia e controle financeiro pela administração local e agências de turismo. A ferramenta utiliza pulseiras, entregues aos turistas, integradas a um sistema com banco de dados, utilizado pelas agências de turismo credenciadas para cadastrar os clientes e vender passeios, além de fornecer informações sobre os atrativos visitados. Guias de turismo, motoristas e veículos utilizados também são registrados.

O sistema coleta as informações e serve como gerenciador financeiro para a prefeitura e as agências credenciadas, que passam a ter maior controle e informações de seus registros contábeis, além de subsidiar os gestores municipais com estatísticas e informações sobre o quantitativo de visitantes que transitam pelo município. “Ao pagar o passeio e adquirir a pulseira, automaticamente a prefeitura sabe o valor que será arrecadado com o ISS. Metade do imposto fica no caixa do município e os outros 50% vão para o Fundo Municipal de Turismo. A prioridade dos investimentos é definida pelo Conselho Municipal de Turismo”, destacou o assessor de Turismo de Barreirinhas, Maílson Santos, ressaltando o exemplo inovador de gestão do turismo e de ordenamento da atividade, envolvendo o poder público e os prestadores de serviços de forma transparente.

Já a Lance Hotéis (2ª colocada), de São Paulo, é uma agência de viagens online que permite ao viajante negociar o valor que ele está disposto a pagar pela diária em um hotel. Via plataforma, de maneira direta e transparente, o cliente faz a proposta ao hotel no qual deseja se hospedar. O processo de negociação aumenta as chances de fechamento da venda e colabora com a movimentação do mercado hoteleiro. O objetivo da Lance Hotéis é gerar bons resultados para ambos os lados da negociação. O viajante ganha ao conseguir desconto sobre o valor anunciado e o hoteleiro aumenta sua taxa de ocupação.

“Nosso diferencial é a transparência. O hotel tem até 24 horas para responder ao lance e o cliente mais 12 horas para fechar a reserva pelo preço negociado. Os descontos variam de 10% a 50% do valor da diária, dependendo das datas e tarifas do período da hospedagem”, destacou João Câncio, CEO da plataforma digital.

A outra iniciativa vencedora foi a Smart Tour Brasil (3ª colocada), uma plataforma geradora de dados em tempo real no setor turístico, atuando na implantação de Rotas Turísticas Inteligentes de Santa Catarina com uso de Internet das Coisas. Através da instalação de GPS nos atrativos turísticos das rotas turísticas tradicionais, eles passam a se comunicar diretamente com o smartphone do turista por proximidade do ponto turístico via bluetooth. Com essa comunicação é possível transmitir conteúdo informativo e colher dados inéditos para o setor turístico.

A iniciativa de sucesso transforma os dados dos turistas em informações estatísticas e oferece aos gestores públicos e instituições de relevância turística o acesso, em tempo real, da movimentação turística na região. Essas informações auxiliam a visualização do comportamento e o direcionamento da tomada de decisões, visando estratégias e ações mais eficientes nas cidades. A iniciativa já dispõe de mapa de deslocamento de fluxo turístico regional e estadual em tempo real e de meios para aplicar a pesquisa de demanda turística.

O sistema já funciona nos 10 municípios da Costa Verde e Mar, que tem Balneário Camboriú como principal destino; na Serra Catarinense, destino de enoturismo; e abre a temporada de verão em Florianópolis, a partir do próximo dia 26 com 100 pontos instalados em todos os atrativos da ilha. “As informações são capturadas e ficam armazenadas no celular do turista, em três idiomas, e podem ser consultadas a qualquer momento, inclusive no hotel”, disse a CEO da empresa, Jucélia Carvalho.

BOAS PRÁTICAS - O Ministério do Turismo criou um Banco de Boas Práticas para divulgar as dez iniciativas com melhor classificação, por categoria, no 1º Prêmio Nacional do Turismo. O objetivo é dar visibilidade e multiplicar os casos de sucesso do setor, disponibilizando contatos, vídeos e materiais informativos apresentados pelos proponentes inscritos no certame. Das 242 propostas apresentadas, 70 podem ser consultadas NESTE LINK.

Edição: Vanessa Sampaio
 Por Geraldo Gurgel

Nenhum comentário