Últimas Notícias

'Interurbano' mostra contrastes em Belém na Galeria Kamara Kó

'Interurbano' mostra contrastes em Belém na Galeria Kamara Kó
Nesta sexta-feira (31), o artista paraense Raymundo Oliveira lança a Exposição Interurbano, definida como um contraste entre o contexto tecno-cultural da cidade de Belém e seus espaços, a partir de uma visão estética, política e humana. Com entrada franca, a exposição será aberta às 18 h, na Galeria Kamara Kó. O projeto foi contemplado pelo Prêmio Difusão e Experimentação Artística 2018.

A exposição retrata Belém como um lugar singular para pensar sobre contrastes e sintomas latentes na relação entre o homem, a tecnologia e a natureza, e apresenta três instalações em destaque: uma torneira com relatos de moradores de Belém sobre a relação com a água; um guarda-chuva que emite sons gravados pela cidade e um telefone interativo, que simula ligações para pássaros.

Raymundo Oliveira é doutorando em Artes pela Universidade Federal do Pará (UFPA) e pesquisa instalações multimídias interativas, assim como as possibilidades narrativas e poéticas do uso de novas mídias. “Na zona urbana de Belém, o sujeito encontra-se entre prédios de concreto armado e samaúmas, entre as mangueiras e os postes de energia. Evidentemente que esses polos não são duros, se misturam e entram em conflito. Mas a força do avanço desproporcional de meios tecnológicos e dispositivos, sem a devida preocupação sobre sua influência na paisagem e no cotidiano, sufoca a subjetividade do belenense em relação ao seu próprio meio, as coisas e o mundo”, explica o artista.

Serviço: Exposição Interurbano, de Raymundo Oliveira, será aberta na sexta-feira (31) e pode ser visitada até 15 de setembro (de quarta até sexta-feira), das 10 às 17 h, e aos sábados, das 09 às 13 h, na Galeria Kamara Kó – Travessa Frutuoso Guimarães, 611, Bairro da Campina.

Texto:
Helena Saria

Nenhum comentário